2 anos

de sucesso no mundo do samba

Ala3

Feira das IabasO prefeito Eduardo Paes concedeu licença definitiva para que a feira de quitutes  afrobrasileiros – conhecida como FEIRA DAS YABAS ( orixás femininos) – volte a funcionar, na  Praça Paulo da Portela, em Madureira. A feira é uma proposta de resgatar a culinária negra carioca unindo gastronomia popular, música e cultura na praça que leva o nome do fundador da GRES Portela. A feira tinha sido interrompida há três anos.

 O projeto foi idealizando pelo sambista Marquinhos de Osvaldo Cruz e contou com o apoio do prefeito Paes. Segundo Tia Surica, uma das grandes cozinheiras da Portela, sua barraca, na feira, vai vender mocotó e aipim com carne seca. A licença de funcionamento foi entregue

em 11 de março num almoço na quadra da Portela que passou recentemente por uma grande  reforma.

A prefeitura vai desem bolsar R$700 para reforma e ampliar a feira.

Criada em 2008, a Feira das Yabás funcionou até 2009 após 14 edições. A partir de agora, o evento passa contar com uma edição a cada 30 dias, sempre no segundo domingo de cada  mês. Durante a reinauguração será prestada uma homenagem a dona Ivone Lara, da GRES
Império Serrano.

Yabas-Orixas femininos

História e memórias de baianas das escolas de samba